Ivo Rocha: “Escrevi o meu maior momento desportivo”

  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Ivo Rocha (Feira Viva), que garantiu no último sábado os mínimos de integração no projeto paralímpico Toquio-2020 na prova 100 bruços, afirmou, na sua página do Facebook, que escreveu o seu “maior momento desportivo até à data”, mas está ciente que “o caminho até aos Jogos é longo e longe de estar garantido”.

“Não tenho palavras que descrevam o quão feliz eu estou. Desde junho de 2016 (quando fiz mínimo para jogos2016) que não melhorava o meu registo em provas oficiais. Tantas vezes tão perto, algumas por demérito outras porque a sorte não estava comigo naquele momento. Mas o que tantas provas têm em comum? Todas elas eu disse a mim mesmo que não ia desistir e que o meu momento ia chegar. A sorte esteve comigo neste fim de semana e eu escrevi o meu maior momento desportivo até à data”, escreveu o atleta do clube de Santa Maria da Feira.

“Este momento assinala uma evolução e uma maior crença num futuro ainda mais risonho. O caminho até aos Jogos é longo e longe de estar garantido, mas estou na luta e sinto-me feliz por isso. Agradeço a todas as pessoas que tanto contribuíram para isto, muitas delas não estão identificadas, mas em muito contribuíram”, referiu ainda o nadador.

Ivo Rocha, da classe S5, cumpriu os mínimos nos 100 bruços com um novo recorde nacional de 1.45,62, no decorrer do Torneio de Natação Adaptada Cidade do Porto realizado no Complexo de Piscinas de Campanhã.

Comentários